R$ 6.387.700,00
Premiação Distribuída
277075
Fornecedores Incluídos
183665
Consumidores Cadastrados
63244
Bilhetes Premiados
29749733
Bilhetes Gerados

09/05/2017 | Sefa e Polícia Militar apreendem bolívares no sul do Pará

09/05/2017 11:38h

Servidores da Secretaria de Estado da Fazenda (Sefa), com apoio da Polícia Militar, apreenderam na noite desta segunda-feira (8), no posto fiscal de Conceição do Araguaia, localizado na PA-447, próximo à divisa com o estado do Tocantins, a quantia de 9.500.000,00 em bolívares venezuelanos, que equivale a R$ 2.900.150,00. A ação faz parte da Operação Divisa Segura, iniciada no dia 04 deste mês, nas áreas de fronteira do Estado.

O portador do dinheiro disse que vinha de Goiânia (GO), com destino a Tucumã, no Pará. Os valores foram entregues à Polícia Civil, na Delegacia de Conceição do Araguaia, e serão encaminhados para a Receita Federal do Brasil naquela cidade.

Na tarde de ontem também foram apreendidas 31 mil latas de cervejas que estavam sendo transportadas de forma ilegal em uma carreta vinda de Goiânia com destino à Redenção. A carga foi interceptada em Conceição do Araguaia, depois de uma perseguição ao veículo. Como o condutor não apresentou a nota fiscal do produto foram lavrados dois Termos de Apreensão, um no valor de R$ 60 mil, referente a ICMS mais multa, e outro de R$ 1,9 mil, por embargo à ação fiscal.

E na manhã desta terça-feira (9), a Coordenação de Carajás, em Marabá, apreendeu 20 metros cúbicos de madeira serrada em um caminhão que estava saindo do Pará com destino a Pernambuco. Na ocasião foi lavrado Termo de Apreensão no valor de R$ 2,1 mil.

O secretário de Estado da Fazenda, Nilo Noronha, destacou a importância da operação não só como garantia do recolhimento dos impostos estaduais como também para a segurança pública. A Polícia Militar tem realizado vistorias em veículos que transportam passageiros, enquanto a Sefa fiscaliza as mercadorias em trânsito. 

"Já trabalhamos juntos anteriormente, só que agora intensificamos nossa atuação. A "Divisa Segura", assim como a operação "Tetis", são ações integradas entre a Sefa e a PM que visam coibir a evasão de recursos do estado, com atuação em rios e estradas. Então, além de garantir o policiamento ostensivo nessas áreas, fazemos a abordagem de veículos e de condutores para verificar não só a parte de documentação de mercadoria que cabe à Sefa, mas, principalmente, a questão da segurança, por meio de vistorias que possam coibir a entrada de drogas e armamento no estado, ou qualquer outro tipo de crime que venha a ser cometido nessas localidades", informou o coronel Sérgio Alonso, chefe do Departamento Geral de Operações da Polícia Militar do Pará.

O diretor de Fiscalização da Sefa, Shu Yung Fon, ressalta a parceria com os órgãos de segurança como fundamental para a execução dos trabalhos. A operação “Divisa Segura” acontece em oito unidades de fronteira do Estado, com o objetivo de coibir a sonegação de impostos e as ações criminosas. A Sefa deslocou 63 servidores do Grupo da Carreira da Administração Tributária (CAT) e a Polícia Militar conta com 60 homens. No total são mais de 200 servidores mobilizados nesta ação, entre auditores e fiscais de receitas estaduais, pessoal administrativo da Sefa e policiais militares.

Por Ana Marcia Pantoja

Foto: Ascom Sefa